Durante a cerimônia governador lança pedra fundamental da sede policial e diz que pretende convocar todos os aprovados em concurso para a corporação

O deputado distrital Hermeto participou do lançamento da Pedra Fundamental para a construção da sede policial de Planaltina.  A construção do quartel vai abrigar até 300 policiais, terá investimento de R$ 7,1 milhões e está gerando dezenas de empregos.

Hermeto acredita que a construção no novos quartéis aproxima a polícias das comunidades o que traz mais segurança à população.

“Ano que vem destinamos 1 milhão em verbas parlamentares para a construção de novos quartéis no Distrito federal, visando melhorar a segurança pública da população. Vamos continuar nos empenhando para levar essa segurança para os locais que mais precisam”, afirma Hermeto.

O projeto arquitetônico do novo 14º Batalhão de Polícia Militar é da própria corporação e segue os padrões de outros batalhões da capital, com três edificações, uma guarita, um bloco administrativo e garagem, entre outras urbanizações e infraestruturas necessárias. A sede terá quase dois mil metros quadrados de área construída e deve ser inaugurada até o fim do próximo ano.

Este batalhão vai substituir a estrutura antiga, que tem mais de 35 anos e está defasada para os padrões atuais. Localizado na área central de Planaltina, o 14º BPM é a unidade mais antiga do DF e composta por 288 policiais militares.

Após lançar a pedra fundamental da obra ao lado do governador Ibaneis Rocha, o comandante-geral da PMDF, coronel Márcio Cavalcante de Vasconcelos, agradeceu o empenho para que a obra saísse do papel. Ele também aproveitou para citar outras construções em andamento. “Esse batalhão é aguardado pela comunidade e pelos policiais militares há muitos anos. Essa é a primeira de uma série de obras que estamos fazendo. Temos, em fase final de licitação, o 15º Batalhão da Estrutural e vamos iniciar a obra do Centro Odontológico e do Centro de Psicologia da Polícia Militar”, listou o comandante-geral da PMDF.



Source link

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here