A Escola de Governo (Egov) ofereceu mais de 180 eventos de capacitação em 2020. Foram 38 turmas na modalidade presencial, nos primeiros meses do ano, e outras 146 na modalidade de Ensino a Distância (EAD) | Foto: Acácio Pinheiro/Agência Brasília

Com a pandemia, a imposição do isolamento social e o teletrabalho, o ano de 2020 trouxe muitos desafios, tanto pessoais quanto profissionais. Diante disso, foi criada, dentro da estrutura da Secretaria de Economia, a Secretaria Executiva de Valorização e Qualidade de Vida (Sequali). Responsável por coordenar projetos de apoio aos servidores do Governo do Distrito Federal, a Sequali tem como objetivo desenvolver ações de capacitação, saúde e bem-estar dos servidores.

Neste primeiro ano de funcionamento, a Sequali atuou oferecendo apoio psicológico, capacitação, reflexão e também ações de filantropia. Além de iniciativas pontuais durante o ano, a secretaria executiva atua em atividades contínuas, dando suporte para que todos os órgãos do GDF promovam a saúde integral do servidor.

Foram desenvolvidas várias ações coordenadas e interativas para proporcionar qualidade de vida, melhoria dos ambientes, da organização e do processo de trabalho. “Fazemos isso para que o servidor se sinta valorizado e amplie a conscientização, a responsabilidade, a autonomia e o senso de pertencimento. Isso contribui para a construção de uma cultura de valorização da saúde por meio de hábitos saudáveis”, detalha a secretária executiva Adriana Faria.

Com as medidas de isolamento, foi necessário oferecer apoio emocional aos profissionais que passaram a trabalhar de suas casas, muitas vezes acometidos pela Covid-19 ou acompanhando familiares infectados

Acolhimento

Com as medidas de isolamento, foi necessário oferecer apoio emocional aos profissionais que passaram a trabalhar de suas casas, muitas vezes acometidos pela Covid-19 ou acompanhando familiares infectados. Além disso, estudos identificaram situações de ansiedade e outros sintomas que surgiram nesse momento de pandemia. Para suprir essa necessidade de cuidados, a Secretaria de Economia oferece um plantão de acolhimento on-line aos servidores, com suporte psicológico para quem estiver com estresse e passando por sofrimento psíquico. E também um espaço de acolhimento no Anexo do Palácio do Buriti, para aconselhamento psicológico.

Outras ações de saúde mental foram realizadas pela Sequali para oferecer suporte aos servidores. A Subsecretaria de Segurança e Saúde no Trabalho (Subsaúde) ampliou os espaços de reflexão sobre a importância de cuidar da saúde mental no contexto laboral.

Foram realizadas palestras presenciais e online, pelo canal da Secretaria de Economia no YouTube, além de rodas de conversa e grupos psicoterapêuticos. A Subsaúde também realizou o Programa de Educação Permanente em Saúde Mental, Oficinas Temáticas, Suporte Psicológico, Programa de Atenção ao Dependente Químico e Programa de Saúde Mental Materna. As ações da Subsaúde alcançaram diretamente neste ano 12,8 mil servidores.

Em outras iniciativas, a Sequali convidou os servidores a participar em conjunto de ações de doação. Foram feitas arrecadações de brinquedos e de cestas de Natal para famílias carentes. Além disso, foi criado o Sistema de Ajuda Humanitária (Ajudah), voltado para ações filantrópicas, que reúne as doações recebidas, monta cestas básicas e kits de higiene, identifica pessoas em situação de vulnerabilidade não assistidas por programas sociais e organiza as ações de doação.

Qualidade de vida

Para monitorar a situação do ambiente de trabalho, a Secretaria de Economia contratou uma consultoria especializada em Qualidade de Vida no Trabalho. A consultoria conta com formação específica em Ergonomia da Atividade. O diagnóstico dará subsídios fundamentais para a formação de uma política e de um programa de Qualidade de Vida no Trabalho (PPQVT), com base nas expectativas e necessidades dos servidores.

Com espaços planejados, a Secretaria de Economia busca oferecer uma melhor experiência no ambiente de trabalho. Assim, estão em desenvolvimento o Espaço de Acolhimento, a Sala de Descompressão e o Espaço Sequali de Qualidade de Vida, no 16º andar do Anexo do Buriti. Os espaços serão desenvolvidos para oferecer ambientes de conforto aos servidores, para utilização nos momentos de pausa das atividades do trabalho, visando aliviar as tensões e o estresse. A Secretaria de Economia busca melhorar a qualidade de vida dos servidores, prevenindo doenças e promovendo a saúde física e mental.

Nos demais locais de trabalho, a Sequali realiza monitoramento ambiental, para minimizar a exposição de servidores a agentes de risco que possam estar acima dos limites de tolerância definidos em lei.

Outro importante projeto, que tem foco na saúde física e mental dos servidores, é a Academia Buriti, criada em agosto. As aulas on-line de jiu-jitsu, taekwondo, defesa pessoal, kickboxing e treinamento funcional são transmitidas pelo canal da Secretaria de Economia no YouTube. O objetivo é auxiliar o servidor e seus familiares a abandonar o sedentarismo, mesmo durante o período de isolamento social, fazer exercícios físicos e adquirir consciência corporal. As atividades ajudam também a combater o estresse e os transtornos de ansiedade.

Capacitação

A Escola de Governo (Egov) ofereceu mais de 180 eventos de capacitação em 2020. Foram 38 turmas na modalidade presencial, realizadas nos primeiros meses do ano, e outras 146 na modalidade de Ensino a Distância (EAD).

Os cursos têm o objetivo de capacitar os servidores e, consequentemente, melhorar o desempenho das funções públicas, com foco em resultados e na qualidade dos serviços prestados ao cidadão. No total, 13.785 servidores participaram de projetos de capacitação neste ano.

Foto: Divulgação/Secretaria de Economia
Criada em agosto, a Academia Buriti oferece aulas on-line de jiu-jitsu, taekwondo, defesa pessoal, kickboxing e treinamento funcional. A transmissão é pelo canal da Secretaria de Economia no YouTube | Foto: Divulgação/Secretaria de Economia

Valorização

Para celebrar o Dia do Servidor Público, comemorado em 28 de outubro, a Secretaria de Economia lançou duas importantes ações de valorização dos servidores: o Clube de Descontos do Servidor e o DF Superior.

O Clube de Descontos é uma proposta de parceria com empresas privadas, com a finalidade de oferecer descontos aos servidores ativos e aposentados na aquisição de produtos e serviços. As empresas credenciadas oferecem aos servidores e seus dependentes o acesso a produtos e serviços em melhores condições de mercado, com descontos de pelo menos 10% em relação aos preços praticados.

Já o DF Superior cria condições para melhorar a qualificação profissional dos servidores, facilitando cursos de graduação ou segunda graduação, pós-graduação, licenciatura, MBA, mestrado ou doutorado. O programa prevê o cadastramento de instituições privadas de ensino superior para concessão de descontos em matrículas e mensalidades em cursos de nível superior, inclusive tecnológicos, aos servidores e empregados públicos da administração direta e indireta do DF, e também para seus dependentes.

Além de promover a qualificação profissional e incentivar o aperfeiçoamento pessoal dos servidores, a medida também fortalece a economia, pelo estímulo à ampliação do número de estudantes em instituições de ensino privadas.

Os servidores do GDF também foram convidados a participar de concursos culturais. O DF Musical reuniu talentos que inscreveram músicas de sua autoria. Já o concurso de desenhos Meu Sonho para 2021 incentivou filhos de servidores a mostrarem sua criatividade e colocarem no papel a esperança por um mundo melhor.

Outra iniciativa da Sequali é mostrar histórias marcantes e inspiradoras de servidores, que passaram a ser contadas pelo canal da Secretaria de Economia no YouTube. Com edições quinzenais, o programa “Conte sua história” valoriza o serviço público como missão.

Em 2021, a Secretaria de Economia vai ampliar os projetos de qualidade de vida e valorização dos servidores.

*Com informações da Secretaria de Economia

Fonte: Agência Brasilia