De acordo com especialistas, entre os profissionais mais afetados pela Síndrome de Burnout estão assistentes sociais, psicólogos, educadores e profissionais que atuam diretamente no atendimento ao público. Essas são algumas das principais áreas de atuação na Secretaria de Desenvolvimento Social (Sedes). Preocupada com a saúde do servidor do Governo do Distrito Federal, a pasta promove live com palestra sobre o tema, às 10h desta terça-feira (24).

Conhecida também como Síndrome do Esgotamento Profissional, a Síndrome de Burnout se caracteriza, entre outros fatores, como cansaço excessivo e estresse prolongado no trabalho. Para aprofundar a discussão do tema, a Sedes convidou a médica psiquiatra Karinne Tavares Borges. Além de ministrar a palestra, ela estará à disposição para responder perguntas dos participantes do evento. A conversa também terá a participação da pedagoga especialista em assistência social, Bruna Rodrigues; e a diretora de Gestão de Pessoas da Sedes, Larissa Lima.

Diabetes

Na quarta-feira (25), o tema abordado será diabetes. Além de destacar ações de conscientização da pasta, como o projeto de Educação Alimentar e Nutricional, que, neste mês, levou o assunto aos restaurantes comunitários, a live vai ressaltar a diabetes infantil.

Para entrar na discussão, a pasta vai contar com a servidora pública Ana Carolina Torelly, idealizadora do perfil @meudocerafael, no Instagram, onde conta um pouco da rotina do filho, diagnosticado com o tipo 1 da doença. Outra convidada é a secretária-executiva da Sedes, Ana Paula Marra, também ligada ao tema em virtude de questões familiares.

“Nossa ideia é, entre outros objetivos, ressaltar os sintomas, para que os servidores do GDF passem a se perguntar: será que eu sofro disso? E, a partir daí, buscar orientação e tratamento”, explica a secretária.

Programação:

Terça-feira (24)

Palestra on-line Síndrome de Burnout

A partir das 10h

Canal SEDESDF

Quarta-feira (25)

Diabetes: cuidados e diagnóstico

A partir das 10h

Canal SEDESDF

 

Fonte: Agência Brasilia