Augusto Aras, procurador-geral da República, tem esperança de ocupar a vaga no Supremo Tribunal Federal (STF) por causa da sabatina emperrada de André Mendonça para a Corte.

De acordo com O Globo, Aras acredita que tem uma vantagem e pode atuar como um bombeiro na tensa relação de Bolsonaro com o Supremo.

O PGR ainda considera que está menos desimpedido e tem mais respeito entre os ministros do STF do que Mendonça.

Aras diz a interlocutores que por causa disso ele pode ser mais útil a Bolsonaro do que o ex-advogado-geral da União.

Nesse cenário, Aras aguarda a possibilidade do Senado rejeitar o nome de Mendonça ou o presidente retirar a indicação do mesmo e indicá-lo no lugar.

Assim, a cada dia que passa sem a marcação da sabatina do ex-advogado da União mais as chances aumentam para o PGR.



Source link

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here