A próxima ação do Comitê de Prevenção e Combate a Focos de Incêndio na Zona Rural em Goiás já tem data, hora e local marcados: nesta sexta-feira (10), às 9 horas, em Piranhas. O município da Região Oeste do Estado receberá as equipes da Secretaria de Estado de Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Seapa) e parceiros para divulgar medidas de enfrentamento ao fogo no período seco do Cerrado. O evento será realizado na sede do Sindicato Rural, localizado no Parque de Exposições Agropecuárias Wilian José dos Santos.

Segundo dados do Corpo de Bombeiros, de janeiro a agosto de 2021, Goiás registrou 6.624 focos de incêndio florestal, sendo 6.454 em vegetação e 170 em cultura agrícola. Para reduzir o avanço do fogo, o secretário de Agricultura, Pecuária e Abastecimento, Tiago Mendonça, acredita que é necessário um trabalho conjunto. “O fogo descontrolado é ruim para todos, porque degrada o meio ambiente, afeta a produção de água, piora o clima e acaba atingindo também plantações, animais e bens de quem vive no campo”, argumenta.

O superintendente de Engenharia Agrícola e Desenvolvimento Social da Seapa, José Ricardo Caixeta Ramos, cita a realização correta de aceiros como uma das medidas mais importantes para prevenir o alastramento de incêndios e, consequentemente, reduzir prejuízos ambientais, econômicos e sociais. “Nas ações de prevenção, como esta que vamos realizar em Piranhas, nós repassamos orientações, solucionamos dúvidas e articulamos providências que realmente fazem a diferença”, diz.

Comitê

O Comitê de Prevenção e Combate a Focos de Incêndio na Zona Rural em Goiás teve sua criação aprovada no dia 9 de julho pela Câmara Temática de Estratégia, Competitividade e Políticas Públicas do Agronegócio do Estado de Goiás – O Agro é de Todos. O lançamento oficial foi feito no dia 20 de julho pelo governador Ronaldo Caiado. A partir de julho, o projeto passou a fazer parte do Plano Estratégico Operacional de Atuação Integrada no Combate a Incêndios Florestais do Ministério da Justiça e Segurança Pública (MJSP).

O plano federal busca unir esforços com governos estaduais, entidades e empresas para prevenir, reprimir e investigar casos relacionados a queimadas e outros crimes ambientais na Amazônia, Cerrado e Pantanal. A chamada Operação Guardiões do Bioma prevê a participação de seis mil profissionais em ações até novembro, conforme a necessidade e demanda dos Estados, com maior atenção para Acre, Amazonas, Amapá, Maranhão, Mato Grosso do Sul, Mato Grosso, Pará, Rondônia, Roraima, Tocantins e Goiás. Eles vão apurar crimes, monitorar riscos, elaborar, revisar e validar planos, matrizes e protocolos integrados, avaliar resultados e propor medidas corretivas e preventivas.

Próxima parada

De Piranhas, as equipes do Comitê de Prevenção e Combate a Focos de Incêndio na Zona Rural em Goiás seguirão para Porteirão, na Região Sul do Estado. O município sediará ação no dia 16 de setembro (quinta-feira).

Serviço:

Ação de Prevenção e Combate a Focos de Incêndio em Zona Rural

Data: 10 de setembro de 2021 (sexta-feira)

Horário: 9 horas

Local: Sindicato Rural de Piranhas (Parque de Exposições Agropecuárias Wilian José dos Santos)

SAIBA MAIS

Entidades que integram o Comitê de Prevenção e Combate a Focos de Incêndio na Zona Rural em Goiás:


Associação dos Produtores de Soja e Milho de Goiás (Aprosoja-GO)

Conselho Regional de Medicina Veterinária (CRMV-GO)

Corpo de Bombeiros Militar de Goiás

Enel Distribuição Goiás

Federação da Agricultura e Pecuária de Goiás (Faeg)

Federação das Indústrias do Estado de Goiás (Fieg)

Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade (Icmbio)

Ministério Público do Estado de Goiás (MP-GO)

Polícia Civil do Estado de Goiás (PC-GO)

Polícia Militar do Estado de Goiás (PM-GO)

Secretaria de Estado de Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Seapa)

Secretaria de Estado de Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável (Semad)

Serviço Nacional de Aprendizagem Rural (Senar-GO)

Sindicato da Indústria de Fabricação de Açúcar do Estado de Goiás (Sifaçúcar)

Sindicato da Indústria de Fabricação de Etanol do Estado de Goiás (Sifaeg)

Superintendência da Polícia Rodoviária Federal em Goiás (PRF)

Também são parceiros da ação em Piranhas:

Prefeitura Municipal

Sindicato Rural

Fonte: Seapa – Governo de Goiás



Source link

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here