Um ataque com explosões e tiros foi registrado nos arredores do aeroporto de Cabul, no Afeganistão, nesta quinta-feira (26), depois de Estados Unidos, Reino Unido e Austrália terem alertado sobre risco eminente de um conflito no local.

Ainda não foi confirmado o número de vítimas, mas estima-se que pelo menos 13 pessoas possam ter morrido, incluindo mulheres e crianças. O governo dos EUA afirmam que houve um ataque suicida, segundo a Reuters.

De acordo com as informações repassadas pelas agências, há vários terroristas do Talibã feridos. Funcionários do governo norte-americano afirmam que a explosão teria ocorrido em um dos portões de acesso ao aeroporto.

O Ministério das Relações Exteriores da Rússia divulgou a primeira contagem oficial de vítimas: 13 mortos e 15 feridos. O “The Wall Street Journal” diz que fuzileiros navais americanos ficaram feridos.

“Podemos confirmar que a explosão no portão da Abadia foi o resultado de um ataque complexo que resultou em várias vítimas americanas e civis”, afirmou o porta-voz do Pentágono, John Kirby. “Podemos confirmar pelo menos uma outra explosão no hotel Baron ou próximo a ele, a uma curta distância do portão da Abadia. Continuaremos atualizando”.

Uma autoridade dos EUA afirmou à agência Associated Press que “definitivamente acredita” que o ataque foi executado pelo Estado Islâmico.



Source link

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here