O governador Ronaldo Caiado participou, nesta sexta-feira (21/05), da inauguração da reestruturação da sede da Federação Goiana de Municípios (FGM), em Goiânia, e reafirmou, aos 150 prefeitos que participaram da solenidade de forma virtual, o compromisso com o municipalismo por meio de uma gestão integrada e parceira. “Eu não sou concorrente de nenhum prefeito. Cabe a mim ser parceiro de vocês. Meu objetivo é chegar ao cidadão goiano”, afirmou Caiado.

O governador também pediu aos prefeitos que trabalhem junto com o Governo de Goiás para melhorar todas as regiões do Estado. “Me considerem parceiro, não podemos ter um Goiás desenvolvido e outro excluído. Vamos trabalhar para levar qualidade de vida à nossa população. Vamos arregaçar as mangas, fazer com que o nosso dinheiro multiplique – um pouquinho do governo estadual, um pouquinho de cada município”, projetou.

Na apresentação dos novos espaços, como a recepção com a galeria dos ex-presidentes da entidade atualizada, o destaque ficou por conta da Sala dos Prefeitos e Prefeitas, batizada de Maguito Vilela, em homenagem ao prefeito eleito de Goiânia que faleceu, no último mês de janeiro, em decorrência da Covid-19.

“Ele foi prefeito, senador da República, governador do Estado de Goiás, deputado federal. Transitou por toda área política e deixou como marca forte o trabalho social que deu a ele toda a credibilidade. Maguito governou com seriedade, transparência e ética”, homenageou Caiado.

Emocionado, o filho do ex-prefeito de Goiânia, e presidente do Movimento Democrático Brasileiro (MDB) em Goiás, Daniel Vilela, agradeceu o governador e a homenagem da Federação Goiana de Municípios. “Meu pai gostava de ver a transformação de uma cidade e das pessoas. Tanto é verdade que, depois de ser prefeito, ele não almejava disputar outros cargos, apenas de ser prefeito novamente. É uma homenagem que ficamos muito felizes e agradecidos”, afirmou.

A renovação da sede da entidade marca os últimos dias de mandato do atual presidente, José de Sousa Cunha, ex-prefeito de Porteirão, no Sul do Estado. Ele passa o comando da entidade para seu sucessor, Haroldo Naves, prefeito de Campos Verdes, no próximo dia 1º de junho. Naves ficará à frente da federação no biênio 2021-2023.

Segundo Cunha, a renovação faz jus ao trabalho de prefeitos e prefeitas de Goiás, que tornam a inovação e capacitação marcas da FGM. O presidente da entidade reforçou o trabalho pelo municipalismo goiano e a parceria com o Governo do Estado.

“A entidade não é para fazer oposição e nem ser situação. Ela é para ser justa, é para reconhecer um trabalho de um governo de todos. A entidade tem uma direção partidária, e reconhece o trabalho republicano e democrático do governador Ronaldo Caiado”, pronunciou Cunha.

O encontro foi realizado de maneira híbrida, com as presenças no local, além do governador, do vice-governador, Lincoln Tejota; o presidente da Assembleia Legislativa de Goiás (Alego), Lissauer Vieira; o presidente do Tribunal de Contas dos Municípios (TCM-GO), Joaquim de Castro; o prefeito de Goiânia, Rogério Cruz; bem como de prefeitos, prefeitas e municipalistas goianos.

Foto: Wesley Costa

Secretaria de Comunicação – Governo de Goiás



Source link

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here