O Governo do Distrito Federal trabalha para dar mais qualidade de vida para cerca de 250 mil moradores de Taguatinga. A administração regional da cidade se juntou às equipes do Polo Oeste II do GDF Presente para reforçar serviços de manutenção urbana. Reformaram calçadas, meios-fios, praças e parquinhos. Um grande lixão irregular no Setor de Indústrias Gráficas (SIG), área especial 2, também foi desativado.

Os brinquedos e alambrados foram consertados, inclusive com direito a uma nova pintura. A areia, que faz a alegria da criançada na construção de castelinhos, foi trocada

No conjunto H da QNM 34, no setor M Norte, cerca de 100 metros quadrados de bloquetes de concreto pré-moldados foram utilizados para a construção de calçadas. Nas avenidas Hélio Prates e Pistão Norte, duas das vias mais movimentadas da região, aproximadamente três quilômetros de meios-fios foram pintados com a ajuda do Serviço de Limpeza Urbana (SLU).

Já na parte sul da cidade, as equipes do governo reformaram um parquinho infantil na CSA 1. Os brinquedos e alambrados foram consertados, inclusive com direito a uma nova pintura. A areia, que faz a alegria da criançada na construção de castelinhos, foi trocada. Cerca de uma tonelada do material limpo foi depositada no local. Além disso, os bancos de concreto também foram pintados.

Uma nova pavimentação, de mais de 10 metros da passagem para bikes, foi feita para corrigir falhas da antiga pista, que possui aproximadamente 1,5 quilômetro de extensão

Em uma parceria com o Departamento de Estradas de Rodagem (DER/DF), um trecho da ciclovia do setor CSG foi restaurado com 10 toneladas de massa asfáltica. Uma nova pavimentação, de mais de 10 metros da passagem para bikes, foi feita para corrigir falhas da antiga pista, que possui aproximadamente 1,5 quilômetro de extensão.

Ao lado do prédio do Departamento de Trânsito (Detran-DF), no Setor de Indústria Gráfica, uma área que antigamente era utilizada para despejar irregularmente lixo foi desativada. Do local foram recolhidas cerca de 30 toneladas de entulhos e inservíveis.

“Foi feito o fechamento da área com o objetivo de evitar que continuasse o despejo irregular, inclusive os próprios moradores faziam o recolhimento do que era deixado lá”, detalha o coordenador do Polo Oeste II, Elton Walcacer.

O administrador regional de Taguatinga, Renato Andrade, enfatiza a importância do diálogo entre setores do governo e da comunidade para a realização dos serviços.

“Taguatinga é uma cidade muito grande, e estamos conseguindo trabalhar em cooperação com a grande parte dos líderes e prefeitos comunitários. De mãos dadas com a população, estamos realizando as ações e levando as melhorias até a porta de casa dos moradores”, finaliza.

Galeria de Fotos

Taguatinga, uma cidade em obras



Source link

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here