O Instituto Brasília Ambiental convida a população para conhecer a proposta de criação da Reserva Particular do Patrimônio Natural (RPPN) Reserva Natural Jardim Botânico, localizada na Região Administrativa do Jardim Botânico. O prazo para manifestações é de 20 dias. Considerações sobre a proposta, dúvidas e outras considerações podem ser enviadas para o e-mail dipuc@ibram.df.gov.br. Outras informações no site do instituto.

RPPN Reserva Natural Jardim Botânico 

A criação da RPPN Reserva Natural Jardim Botânico é uma das obrigações previstas no zoneamento da APA do Rio São Bartolomeu (Lei nº 5344/2014), e também do licenciamento do parcelamento urbano Quinhão 16. É uma oportunidade de minimizar a fragmentação de habitats frente à ocupação crescente, fomentando o estabelecimento de corredores ecológicos na região.

A área proposta, com 54,84 hectares (52,25% da área do parcelamento), encontra-se com vegetação nativa preservada, abrangendo diferentes fitofisionomias do bioma cerrado, como Mata de galeria, Mata seca, cerrado sentido restrito, Campo sujo e Campo limpo. Tem atributos interessantes como a gruta Toca da Anta, belas vistas das partes mais altas, e até pequenas cachoeiras.

As Reservas Particulares do Patrimônio Natural (RPPN) são Unidades de conservação estabelecidas em áreas particulares, por iniciativa do proprietário, sem necessidade de desapropriação de terras. Constituem uma importante ferramenta para a conservação da biodiversidade, sendo complementares aos esforços públicos para proteção da natureza.

No momento em que se decide criar uma RPPN, o proprietário assume compromisso com a conservação, pois uma vez criada, embora o direito de propriedade se mantenha, não se pode mais voltar atrás, ou seja, o status de área protegida é perpétuo.

* Com informações do Brasília Ambiental



Source link

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here